[Tutorial] Usando a biblioteca Twitter Library for Arduino com OAuth

Nesse tutorial vou mostar como usar a Twitter Library for Arduino, uma biblioteca muito legal para tuitar usando somente um Arduino e um Ethernet Shield.

Esse projeto é MUITO útil e facilitou demais minha vida. Ele possibilita o envio de tweets pelo Arduino sem a necessidade de nenhum desenvolvimento extra para comunicação com a API do Twitter. Bem legal, pois depois que o Twitter adotou o OAuth como protocolo de autenticação, não era mais possível enviar tweets do Arduino somente informando usuário e senha. 🙁

Twitter Library  envia seu tweet à um site (http://arduino-tweet.appspot.com/) hospedado no meu querido Google App Engine (mais detalhes do GAE com Arduino aqui e aqui). Esse site é que é o responsável por enviar o tweet por você. O serviço do site é uma ponte de acesso facilitado a API do Twitter.

Arduino tuitando em 3 passos:

Dar autorização e obter a chave de acesso

Acesse http://arduino-tweet.appspot.com/ e clique no link Step 1 : Get a token to post a message using OAuth.

Esse link abrirá a página do Twitter para você permitir o acesso da aplicação aos recursos da sua conta.

Depois de autorizar você será redirecionado para uma página informando a sua chave de acesso para essa aplicação (como abaixo). É através desta chave de acesso que você utilizará a Twitter Library. Copie essa chave, mas se perde-la basta repetir o processo e copiá-la novamente.

Your token : XXcv3513-qoiw9hSEDnILynutcIqKXx0IZCP44mWm3pgZfM9dH

Instalar a biblioteca na sua IDE Arduino

Baixe o zip da biblioteca aqui, descompacte o zip e copie a pasta Twitter para dentro de ~/Documents/Arduino/libraries (Mac ou Linux) ou para Meus Documentos\Arduino\libraries\ (Windows). Em alguns casos a pasta libraries ainda não está criada, mas a do Arduino, sim. Nesse caso basta criar a pasta libraries no caminho informado e copiar a Twitter lá para dentro.

Se sua IDE estiver aberta, então a feche e abra novamente. Deverá aparecer um menu como mostrado na imagem abaixo.

Criar um programa, configurar e rodar

Para testar basta acessar os menus File > Examples > Twitter > SimplePost. Um exemplo de uso será criado. Inserira sua chave de acesso (obtida lá em cima) no lugar do texto YOUR-TOKEN-HERE.

Importante: Informe um IP válido da sua rede interna. A linha abaixo é o exemplo da lib, e pode não funcionar na sua rede.

byte ip[] = { 192, 168, 2, 250 };

Faça o Upload  (File > Upload) do programa para o Arduino (com a Ethernet Shield conectada, claro! duhhhh). Ao final do upload abra o monitor da porta serial (Tools > Serial Monitor). Se tudo der certo o resultado ficará assim:

Simples, não?

Obs. 1: O Twitter adotou o protocolo OAuth para autenticação das requisições em sua API. Isto permite que terceiros sejam autorizados a acessar determinadas contas do twitter, com permissão do usuário e sem que o mesmo precise saber sua senha ou dados pessoais. Isso mesmo! Nenhuma informação sua será armazenada por esse serviço. Objetivo deste serviço é ser apenas um autenticador e um atalho para a API do Twitter. Assim fica MUITO fácil comunicar o Arduino com o Twitter, não?

Obs. 2: A qualquer momento você pode revogar a permissão de acesso a essa aplicação pela URL http://twitter.com/settings/connections.

Obs. 3: Se você enviar o mesmo tweet mais de uma vez o Twitter irá responder como a mensagem 403. Ele não permite mensagens duplicadas em um curto espaço de tempo, nem que você envie diversas mensagens seguidas. Isso é para evitar spam de tweet 😉

Conclusão

Gostei muito de usar essa lib, principalmente pela possibilidade de enviar um tweet “diretamente” pelo Arduino de maneira bem transparente e simples. Se você já programou alguma integração com a API do Twitter sabe que não é nada complicado, mas dá um certo trabalho inicial. Além disso é preciso manter uma aplicação fora do Arduino para se comunicar. Com a Twitter Library você não precisa se preocupar com isso. Pode dedicar mais tempo somente ao projeto Arduino 😉

Levando em conta que é um projeto apresentado no próprio site do Arduino eu fico bem tranquilo quanto a confiabilidade dessa solução. Agora vou brincar mais um pouco e crio novo post se achar algo interessante.

Espero que tenham gostado.

Abs. Marco.

Tags: , , ,

6 comments

  1. Parabéns pelo post, excelente !!!!

  2. […] pensei quero fazer algo no arduino e mesmo twittar e de imediato lembrei do post do meu amigão Marco Maciel sobre a biblioteca Twitter Library para arduino que é bem simples, com apenas 3 passos vc o seu […]

  3. Então quer dizer que com isso eu consigo enviar twitter novamente para o meu arduino?

  4. Para seu arduino, não. Você consegue enviar a partir do seu arduino 😉
    abs

  5. Vc teria mais exemplos de codigos que envia tweet? Obrigado

  6. Oi, amigo.
    Usando só Arduino, não tenho. Mas tenho um projeto no BitBucket (https://bitbucket.org/marcomaciel/pet-o-matic) que fiz com uns amigos que envia tweets usando Java. Integramos com Arduino e RaspberryPi.

    Espero que ajude.
    Abs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *